10 dicas para evitar que o Ransomware invada a sua empresa

postado em: Gestão | 0

O software malicioso que utiliza a criptografia para “sequestrar” os dados da sua empresa tornou-se um grande vilão nos últimos anos. O objetivo deste software é extorquir dinheiro das vítimas com promessas de restaurar dados criptografados. Como outros vírus de computador, geralmente encontra seu caminho para um dispositivo, explorando um furo de segurança em software vulnerável ou enganando alguém para instalá-lo. Ransomware, como é conhecido, marca vítimas de alto perfil como hospitais, escolas públicas, departamentos policiais e empresas.

O modelo de negócios do ransomware acabou por ser uma indústria lucrativa para os criminosos. Ao longo dos anos, sua reputação tornou a equipe de aplicação da lei em conjunto com agências internacionais para identificar e derrubar operadores de fraudes.

A maioria dos ataques de ransomware que ocorreram nos últimos anos foram vinculados a práticas de proteção inadequadas, muitas vezes ocasionadas pelos funcionários e servidores. Existem algumas precauções que podem ser tomadas quando o assunto é ransomware:

  1. Não pague o resgate. Esse tipo de pratica apenas encoraja e financia esses atacantes. Mesmo que o resgate seja pago, não há garantia de que você possa recuperar o acesso aos seus arquivos.
  2. Restaure todos os arquivos afetados de um bom backup conhecido. A restauração de seus arquivos a partir de um backup é a maneira mais rápida de recuperar o acesso aos seus dados.
  3. Não forneça informações pessoais ao responder a um e-mail, chamada telefônica não solicitada, mensagem de texto ou mensagem instantânea. Certifique-se de entrar em contato com seu departamento de TI se você ou seus colegas receberem chamadas suspeitas.
  4. Use software antivírus respeitável e um firewall. Manter um firewall forte e manter seu software de segurança atualizado são críticos.
  5. Utilize a verificação de conteúdo e a filtragem em seus servidores. Os e-mails de entrada devem ser escaneados por ameaças conhecidas e devem bloquear quaisquer tipos de anexos que possam representar uma ameaça.
  6. Certifique-se de que todos os sistemas e softwares estão atualizados com os patches relevantes. Os kits exploit hospedados em sites não-confiáveis são comumente usados ​​para espalhar malware. O patch regular de software vulnerável é necessário para ajudar a prevenir a infecção.
  7. Se estiver viajando, informe seu departamento de TI de antemão, especialmente se você estiver usando a Internet sem fio pública. Certifique-se de usar uma rede privada virtual (VPN) confiável ao acessar o Wi-Fi público.
  8. Use senhas difíceis de serem decifradas.
  9. Coloque os computador em domínio.
  10. E talvez o mais importante: não navegue em sites desconhecidos.

Os criminosos ransomware muitas vezes atacam pequenas e médias empresas. Entre outros ataques cibernéticos, o ransomware é uma atividade criminosa que pode ser facilmente trabalhada com as soluções acima mencionadas.

Via: Symantec Corporation

Comentários do Facebook

Deixe uma resposta